A interpretação de texto é ato de compreender, assimilar e absorver um conteúdo de linguagem textual. Entretanto, em alguns casos é possível encontrar a ausência textual em determinado conteúdo, como em algumas charges por exemplo, e mesmo assim o termo “interpretação de texto” se encaixar perfeitamente.

Interpretar um texto vai muito além de compreender o que o texto está mostrando de forma literal com suas palavras. Sendo assim, existem elementos muito mais profundos presentes em alguns textos, de modo que, apenas saber o significado literal e saber organizar esses elementos não será suficiente para interpretar o texto.

Com base nessas afirmações acima foi que separamos um complexo de elementos essenciais para enriquecer o conhecimento sobre interpretação de texto. Acompanhar cada uma das etapas é básico para que se compreenda o todo e mesmo que em algum momento exista alguma dificuldade em entender alguma coisa, ainda assim, prossiga na leitura, pois é somente desta maneira que será possível aprender a interpretar textos.

Fonte: Canva

Neste texto você vai ver:

  • Interpretação de texto para concurso
  • Exercícios de interpretação de texto com respostas
  • Quais são os tipos de interpretação de texto?
  • Interpretação de texto pdf
  • Interpretação de texto 4 ano

A interpretação de texto e seus elementos fundamentais

A interpretação de um texto está diretamente ligada ao conhecimento de mundo, ao conhecimento das atualidades e a vivência de cada um. Logo, para promover um desenvolvimento eficaz no que se trata de interpretação de texto, é preciso estar cada vez mais antenado nos acontecimentos do mundo, tanto do passado, quanto do presente.

Só assim será possível desenvolver uma interpretação de texto verdadeiramente aprimorada, com senso crítico bem desenvolvido. Nesse sentido, deve-se levar em consideração que para desenvolver-se na interpretação de texto, é fundamental envolver-se com aprendizados verbais e não-verbais.

É possível perceber, que dominar a interpretação de texto vai muito além de necessidades estudantis ou de trabalho. Logo, a interpretação é um recurso da linguagem responsável por determinar os rumos da uma sociedade é através dela que as políticas, as artes, as tecnologias e a cultura são desenvolvidas.

Nada aconteceria sem a interpretação de texto, pois ela é a base de assimilação para que processos seguintes de desenvolvimento ocorram no indivíduo. Desta maneira, qualquer pessoa que se comprometa a se desenvolver em interpretação de texto, deve estudar não apenas para fazer uma prova ou uma redação, mas sim para ter capacidade de tomar decisões mais assertivas no mundo e na sociedade em que vive. 

Senso crítico – O que é?

A capacidade de duvidar, questionar e de fazer análise racional comparativa é denominada senso crítico. Sendo assim, quando uma informação é passada para alguém e essa pessoa que recebeu a informação, aceita sem nenhum tipo de análise, ela não está agindo com senso crítico.

O senso crítico é muito importante para evitar ser manipulado por alguém ou por um sistema e existem muitas formas de se desenvolver nesse ponto. Logo, um dos livros que retratam bem o universo que envolve o senso crítico na atualidade é o “Isso não é um cachimbo” de Michael Foucault, baseado na obra de René Magritte.

O livro faz uma análise profunda sobre a contraposição da imagem e da mensagem que ela quer passar, ou que ela passa, ou que ela oculta. Nesse sentido, a “traição” [nome do quadro] da imagem acontece, dando margem para a discussão em torno dos conflitos existentes entre as perspectivas causais de apresentação e da forma de apresentação dos elementos presentes no quadro.

O que se pode absorver é que o senso crítico anda lado a lado com a interpretação de texto, já que para conseguir interpretar algo, primeiro é preciso analisar. Desta maneira, o desenvolvimento artístico cultural é a base fundamental para o desenvolvimento das potencialidades no que se refere a interpretação de textos.

Conhecer a história das obras de arte e as obras literárias que marcaram a evolução artística e cultural no mundo, é um dos primeiros passos para desenvolver a capacidade de senso crítico e, consequentemente, interpretação de texto.

Analfabetismo funcional – O que é?

Acontece nas pessoas que conhecem as letras, números e palavras, porém tem dificuldade para compreender textos relativamente simples. A interpretação de textos para um analfabeto funcional é realmente difícil de acontecer e é por isso que são necessárias algumas medidas de aperfeiçoamento dessas capacidades cognitivas.

Pesquisas revelam que existe uma demanda crescente de novos leitores no Brasil de classes econômicas mais baixas, enquanto os ricos estão lendo menos. Logo, a pesquisa foi feita pelo Instituto Pró Livro e pode ser vista no website da Organização.

Assim, o ambiente mais favorável para se desenvolver analfabetos funcionais, sempre foram as periferias. Entretanto, com os avanços tecnológicos e a facilidade de acesso, sobretudo a livros virtuais, a população mais carente está lendo mais e buscando conhecimento através de livros que anteriormente lhes era negado.

Contudo, o analfabetismo funcional não é uma característica presente apenas nas classes de baixa renda. Sendo assim, muitas pessoas, mesmo munidas de informação, ainda assim tornam-se reféns da ignorância por se fecharem em “bolhas sociais”. Logo, as bolhas sociais são um dos maiores responsáveis por alienar pessoas e transformar, mesmo as mais informadas, em verdadeiros analfabetos funcionais.

O que é uma bolha social?

A bolha social é uma das piores vilãs do esclarecimento, pois é a partir dela que muitos indivíduos tornam-se alienados. Logo, quando existe uma demarcação de território, seja ela no sentido do pensamento ou no sentido físico da palavra, ocorre a criação de uma bolha, onde os participantes se agrupam em função da semelhança de suas opiniões, descartando qualquer possibilidade de voz das pessoas que tenham pensamentos contrários.

As bolhas sociais têm se tornado muito comuns, sobretudo após o surgimento da era digital, sendo denominadas de bolhas digitais. Sendo assim, indivíduos se agrupam em sites, aplicativos e diversas plataformas onde eles encontram pessoas que têm as mesmas ideias. 

Nesses ambientes, o senso crítico praticamente não se desenvolve, visto que, com o fato de todos pensarem da mesma maneira, não há troca, desenvolvimento e aprimoramento de ideias. Nesse sentido, como disse Nelson Rodrigues: “A unanimidade é burra. Quem pensa com a unanimidade, não precisa pensar.”

Nessa frase, Nelson Rodrigues deixa claro que para que haja um desenvolvimento das ideias, é preciso haver pensamentos diferentes. Logo, um princípio básico para determinar o equilíbrio dessas opiniões, é a ciência e as comprovações científicas, pois não se refuta comprovação científica com opinião.

Leitura e interpretação de texto

A primeira atitude de alguém que se interessa em aprender mais sobre interpretação de texto, com certeza deve ser começar a ler. Logo, enquanto a pessoa está em uma sala de espera, ela pode ler alguma matéria de uma das revistas alis dispostas, ou esperando o ônibus, a pessoa pode ler um livro online no celular, ou ao invés de ficar rolando os feeds do Instagram, a pessoa pode decidir ler um conto de terror ou de ação.

Não existe outra maneira de se desenvolver em interpretação de texto sem a leitura e sem uma constante busca por aprendizado. Sendo assim, os resultados costumam aparecer muito rápido depois que uma pessoa começa a se interessar mais pela leitura e pelos benefícios que ela proporciona para a vida.

Mas, como foi dito anteriormente, a interpretação de texto faz parte de uma construção que vem desde quando ainda éramos crianças. Nesse sentido, no simples fato de observar um objeto em forma de estrela e um buraco em forma de estrela, pode surgir uma possibilidade de interpretação, como no caso de alguns brinquedos infantis.

Quando foi dito que “viver” faz parte do processo de desenvolvimento da interpretação de texto, não era exagero. Logo, a cada momento nós nos deparamos com símbolos diversos que nos levam a tirar nossas próprias conclusões sobre cada um deles e suas relações.

Fonte: Canva

Dicas sobre interpretação de texto

A leitura deve ser degustada e para aquelas ou aquelas que não tem o hábito, ela pode se tornar uma comida pesada. Sendo assim, não é que não existem leituras amargas, mas se todas elas tem um gosto estranho para você, talvez o problema não estejam os textos.

Leia com tranquilidade – Interpretação de texto

Por isso leia devagar e descanse a mente toda vez que algum pensamento surgir que não tiver relação com o livro ou texto que você está lendo. Além do mais, desligue o celular e, se possível, desligue-se do mundo inteiro nesse início da criação do hábito da leitura.

Nada de redes sociais – Interpretação de texto

Troque as redes sociais por leitura, afinal, as redes sociais são as grandes vilãs quando o assunto é procrastinação. Portanto, substitua esse hábito por outro mais saudável.

Algumas pessoas dizem que leem no Instagram e no Facebook, mas não é nada saudável.

Primeiro, porque as leituras são curtas e o cérebro se acostuma a esse tipo de conteúdo rápido, tornando a pessoa incapaz de assimilar um conteúdo mais extenso. Nesse sentido, ainda tem a questão da credibilidade, uma vez que sem fontes confiáveis, você pode estar consumindo qualquer conteúdo enganoso ou que seja prejudicial ao seu desenvolvimento.

Leia livros fora da sua bolha – Interpretação de texto

Assim, optar por livros é a melhor solução para se desenvolver melhor no que se refere ao desenvolvimento, tanto do hábito da leitura, quanto da interpretação de texto. Desta maneira, além do conhecimento técnico sobre as áreas de atuação profissional, é importante também que a pessoa leia outros conteúdos relacionados ao seu país, ao seu mundo e à sua sociedade, para não se tornar uma pessoa alienada.

Dicionário é o pai dos burros – Interpretação de texto

Mas siga todas essas dicas, sempre tendo em mãos um dicionário e não deixe passar muitas palavras sem entender o significado. Nesse sentido, nos dias atuais tem sido tão fácil sanar dúvidas com relação a palavras desconhecidas, afinal, o Google está aí, não é mesmo?

Portanto, não existem dúvidas de que realmente é muito fácil tirar as dúvidas de palavras que a gente não conhece. Sendo assim, aumente o seu vocabulário e sempre que puder, use palavras novas ao invés de gírias.

Não que as gírias sejam algo ruim, mas para uma pessoa que não tem domínio sobre a interpretação de textos, nesse caso, é interessante que ela busque conhecer um outro universo que não o informal.

Vire um escritor ou uma escritora – Interpretação de texto

Não é brincadeira! A ideia é mesmo que a pessoa se torne um escritor, ou uma escritora. Entretanto, não é preciso publicar alguma coisa para ser um escritor ou escritora, para isso o que basta é escrever e começar a aperfeiçoar a interpretação de texto.

Quem escreve, além de colocar em prática os seus conhecimentos, ainda consegue ter um contato muito mais próximo consigo mesmo. Desta maneira, o ato de escrever pode ser visto também como um ato de desabafo e quando você estiver triste ou sufocado por algum problema, o papel vira um ouvinte e um confidente muito fiel.

Enfim, o melhor ponto é colocar em prática os conhecimentos sobre interpretação de texto, afinal, é possível escrever e pedir para outra pessoa ler. Desta maneira, ao fazer isso é possível compreender em que ponto do texto a sua fala está desconexa e assim, isso pode ser um reflexo da sua má interpretação de texto.

Logo, se você interpreta mal, algo que você vê ou lê, naturalmente você também vai reproduzir mal esses elementos. Sendo assim, fica uma dica valiosa para pôr em prática os seus conhecimentos e aperfeiçoá-los.

Fonte: Canva

Interpretação de texto exemplos

Para uma boa interpretação de texto é preciso realmente se interessar pela leitura e querer saber exatamente cada detalhe do que está acontecendo. Logo, isso vale para uma bula de remédio e até mesmo para uma história em quadrinhos, ou uma charge, por exemplo.

Não importa qual seja o objeto de análise, a questão é que a atenção aos detalhes é a chave para interpretação de texto. Sendo assim, acompanhe a história a seguir e faça uma análise apurada sobre o que acontece na história.

Pergunte-se se existem personagens, quem são esses personagens e o que acontece dentro da história. Desta maneira, pergunte-se também se existe um narrador, pense se a história está em primeira, terceira pessoa… todos esses detalhes são úteis para descobrir o que a história quer passar.

Será que existe algum elemento oculto na história? O autor fala algo usando as figuras de linguagem? A história se passa em um ambiente externo ou em um ambiente interno?

Todos os detalhes são fomento para uma boa interpretação de texto e cada um deles será útil na hora de responder perguntas ou elaborar um texto. Desta maneira, a atenção a eles é indispensável, obrigatória.

Preste atenção em tudo, tente imaginar a expressão no rosto dos personagens, suas roupas, as cores dos objetos e tudo que possa levar a uma imersão completa na história.

Fonte: Canva

Exemplo 1 – Narração/Conto 

“menininha

Cansado de bulir com o gato, Mariana apressou-se logo para catar o rabo do cachorro, que estava quieto embaixo da pia. O pai, já cansado de tanta safadeza da menina, largou o jornal que lia, virou-se da cadeira de disse – Ôxente, minina atentada da miséra, valha-me Deus – a menina largou o cão e ele saiu correndo assustado. Ela, agora, engatinhava pela casa afora. Arrastava-se ligeiramente de um cômodo ao outro e o pai ia seguindo atento para evitar qualquer tragédia.

A menina de cabelos cacheados e rostinho redondo; mais parecia um bichinho de pelúcia, de tão fofa. Suas mãozinhas pequeninas batiam forte no assoalho de madeira e por onde ela passava, seguia-se um rastro da baba. Levada que só ela, em sua turnê pela casa, sempre parava em frente às tomadas de energia. Ela sentava, analisava e, como se sentisse alguém a observar, procurava o olhar severo dos pais. Ela queria, mas sabia que ali não podia brincar. O pai continuava a seguir a menina quando de repente pôs-se a chorar. O choro repentino surgiu de uma lembrança amarga e cheia de dor. A menininha não via o pai chorar, a menininha não via o pai, a menininha… não estava, e não estaria nunca mais, ali.”

Fonte: Canva

Exemplo 2 – Dissertação/Texto jornalístico 

“SESI abre 180 vagas para cursos de programação e robótica; 8 a 15 anos

Gratuito para estudantes de baixa renda, SESI abre 180 vagas para cursos que incluem programação e robótica. Sendo assim, as inscrições podem ser feitas pela internet e o assunto está em alta em SP.

Exclusivo para o Oeste Paulista, nas cidades de Presidente Prudente e Regente Feijó, as oportunidades são para crianças e adolescentes. Nesse sentido, o Serviço Social da Indústria (Sesi), oferece vagas para turmas “kids” (8 a 11 anos) e para “teens” (12 a 15 anos).

Os alunos vão aprender conceitos básicos de iniciação em robótica e automação, com atividades dinâmicas. Logo, com acesso a material didático especial, todos vão realizar atividades práticas, onde vão ter iniciação no cenário desses tipos de tecnologia avançada.

Os cursos são gratuitos para alunos de baixa renda, que devem apresentar essa declaração de próprio punho. Entretanto, para os alunos que não são de baixa renda, mas mesmo assim querem fazer os cursos, o valor cobrado será de R$300,00.

O cadastro deve ser feito no próprio site do Sesi, na plataforma Meu Sesi e tem que ser preenchido em nome do aluno. Sendo assim, vale ressaltar que os pais não podem cadastrar seus nomes na plataforma, mas sim, os nomes das filhas e filhos.

Mas atenção! As vagas são limitadas, de modo que quando todas as vagas forem preenchidas, automaticamente o sistema bloqueia novos cadastros. Sendo assim, quanto mais rápido a pessoa se cadastrar, mais certeza vai ter de conseguir a vaga.”

Discussão

Observe as diferenças existentes entre os dois tipos de texto, sendo que um é um texto jornalístico e o outro é um conto. Sendo assim, para que a gente possa iniciar o processo de interpretação de texto, é preciso compreender que o conto apresenta uma história e que nem sempre os fatos serão reais. Entretanto, no caso de uma dissertação, o objetivo do texto é informar e por isso os fatos precisam ser reais e com linguagem literal.

Desta maneira, esse é o início para que se possa compreender como fazer uma interpretação de texto. Sendo assim, textos informativos devem conter linguagem literal, de modo que aquilo que é dito, tem o sentido da própria palavra que está escrita e não uma linguagem figurada.

A partir disso, é preciso praticar e colocar em prática os conhecimentos em um texto, preferencialmente uma redação. Sendo assim, a redação mais comum é a redação pedida no ENEM e nos vestibulares, a fim de medir a capacidade de senso crítico, interpretação de texto, conhecimentos gerais e específicos e ainda, o português do aluno.

Sim! É bastante coisa, mas nada que algumas boas leituras não possam resolver. Logo, os primeiros passos para uma boa redação são muito simples.

Apresentar o ponto de vista abstraído do texto em questão e, em seguida, apresentá-lo logo no início da dissertação [geralmente os concursos pedem dissertação]. Sendo assim, com um ponto de vista pré-definido, fica muito mais fácil elaborar um desenvolvimento coerente.

Fatos

Além do mais, é sempre muito útil apresentar fatos concretos, tendo sido eles encontrados ou não no texto, para dar mais consistência na argumentação. Nesse sentido, formule questionamentos sobre questões que te possibilite apresentar as respostas, a fim de valorizar seus próprios argumentos.

Fuja do senso comum, escreva sobre coisas diferentes e apresente argumentos baseados em dados que você leu em outros lugares e tenha certeza da veracidade dos fatos. Desta maneira, jamais apresente uma opinião se você não é capaz de defender com argumentos.

Seguindo essas orientações valiosas, você com certeza está mais próximo de formular um texto fantástico, baseado na interpretação de texto adequada. Sendo assim, mais adiante veremos alguns exercícios sobre interpretação de texto para testar seus conhecimentos e aprimorar o senso crítico.

Como interpretar um texto exemplo?

Pense da seguinte maneira: interpretação de texto é a mesma coisa que entender o texto e compreender sua real mensagem ou mensagens. Nesse sentido, podemos perceber que o fator principal para promover uma boa interpretação de texto é, sem dúvida, uma leitura calma e atenta nos detalhes apresentados no texto.

Assim, lendo com atenção e calma, será muito mais fácil coletar e absorver as informações fornecidas pelo texto. Logo, independentemente se for uma questão de química, física, ou matemática, se tiver um enunciado, a pessoa vai precisar compreender o que está sendo pedido ali e somente a interpretação de texto vai dar suporte para que tudo ocorra da maneira esperada.

Então, é crucial que a análise do texto comece por esse ponto de partida, que é a tranquilidade na hora de absorver as ideias presentes no texto. Sendo assim, após conseguir assimilar o máximo possível, tente perceber se o texto é sincero ou se ele não quer te induzir a pensar algo que não corresponde com a realidade.

Isso é importante comentar, pois muitos textos apresentam ideias que são falsas, ou que não são verídicas em sua totalidade, podendo prejudicar o leitor. Nesse sentido, se o leitor não tiver senso crítico, a hora que esse tipo de texto aparece, é um prato cheio para que informações enganosas sejam propagadas, as famosas fake news.

Fake News – Interpretação de texto

Portanto, tenha muito cuidado com a intenção e com a forma com que algumas informações são passadas, pois elas podem causar sérios danos a você e à toda sociedade. Logo, tanto as fake news, como a má interpretação de texto, podem levar a enganos muitas vezes perigosos, capazes de matar milhares de inocentes. Esse é o poder de uma fake news.

Alguns textos também possuem mensagens ocultas que são reveladas apenas às pessoas que têm uma noção da interpretação de texto e senso crítico. Logo, tentar captar esses elementos presentes nos textos é algo fundamental.

Na maioria dos casos onde essas mensagens aparecem, elas definem muito da ideia central daquilo que o texto quer informar. Desta maneira, é muito comum um autor não poder expressar sua opinião ou alguma ideia e assim, ele usa os recursos da linguagem para driblar esses tipos de censura velada.

Basicamente é nisso que o leitor deve prestar a atenção, afinal, como na ideia do cachimbo de Magritte, uma imagem pode ter vários significados e o símbolo mais visível pode “trair” o expectador.

Fonte: Canva

O que é Fake News?

Fake News é uma mensagem falsa que geralmente tem aspecto de notícia e que se torna viral por conter algum conteúdo polêmico. Essas notícias falsas têm causado muitos danos em nossa sociedade e cada vez mais elas se tornam uma ameaça ao bom senso, principalmente quando elas são usadas para manipulação política.

Atualmente, muitos escândalos de políticos envolvidos com disparos em massa de propagandas falsas, nos leva a refletir sobre a importância em aprimorar cada vez mais nossa capacidade de discernimento entre fake news e notícias verdadeiras.

Entretanto, como não existe uma fórmula para isso, o que se recomenda é que as pessoas procurem sobre o assunto em fontes confiáveis. Desta maneira, as fontes confiáveis são especialistas na área que expõe seus pontos de vista sobre determinados assuntos, partindo-se de pressupostos científicos e amparados por pesquisa científica e não somente em pura especulação.

Notícias que vêm de redes sociais, como o Telegram por exemplo, podem ser consideradas uma ameaça ao intelecto daqueles que se submetem a assimilar. Nesse sentido, qualquer pessoa com o mínimo de senso crítico, é capaz de avaliar que esse tipo de conduta não reflete o compromisso com a realidade dos fatos.

Portanto, para se desenvolver bem em interpretação de texto, evite coletar informações nas redes sociais e se por algum motivo o fizer, confira em outras fontes. Logo, essa é uma outra maneira de aumentar a segurança nesse sentido.

Busque várias fontes diferentes, veja o que as pessoas com opiniões diferentes da sua estão falando e tente conversar com alguém que pensa diferente. Desta maneira, esse é um jeito de buscar a verdade dos fatos ou pelo menos se aproximar mais dele, afinal, quando se trata de interpretação de texto, quanto mais assertivas forem as ideias sobre algo, melhor será o texto produzido.

Punição?

Entretanto, o grande problema atual das fake news é que elas adquirem interpretação de texto dúbias, podendo ser consideradas crime, caso a pessoa tenha a intenção de promover a notícia falsa, ou podendo ser considerada uma simples brincadeira. Desta maneira, é com essa estratégia que muitos políticos e outras pessoas têm promovido fake news para o seu curral eleitoral, levando à disseminação de informações falsas sem correrem o risco de serem punidos por seus atos.

Interpretação de texto exercícios

Anteriormente nós fornecemos dois textos, um jornalístico e um conto. Sendo assim, baseado naqueles textos, responda às questões abaixo:

Sobre o conto – [Exemplo 1]

01- Sobre a menininha da história podemos afirmar que:

Marque V para verdadeiro e F para falso

(    ) – Era uma menina levada, arteira e que fazia muita bagunça.

(    ) – Tinha mais ou menos 2 anos de idade.

(    ) – A menininha tinha mais ou menos 10 anos de idade.

(    ) – Não dá para saber quantos anos ela tinha.

(    ) – O texto não diz claramente, mas ela provavelmente estava morta.

02- Sobre o pai da menininha, podemos afirmar que:

 Marque V para verdadeiro e F para falso

(    ) – Aparentemente ele é nordestino.

(    ) – O pai costuma ler jornais.

(    ) – O pai adora ler jornais.

(    ) – Ele tem lembranças da menininha e parece vê-la em miragens.

(    ) – Consegue vê-la, mesmo ela não estando ali de verdade.

Sobre o conto – [Exemplo 1]

01- Sobre a matéria jornalística, faça o que se pede:

Marque V para verdadeiro e F para falso

(    ) – Apenas crianças de 8 a 15 anos podem se cadastrar.

(    ) – Todos podem se cadastrar, mas a preferência é para crianças até 15 anos.

(    ) – O curso custa R$300,00. Exceto para crianças de baixa renda, pois para esses alunos a mensalidade é gratuita.

(    ) – As inscrições devem ser feitas obrigatoriamente pela internet.

(    ) – Os cursos são gratuitos para alunos de baixa renda, que devem apresentar essa declaração de próprio punho. Sendo digitado no computador.

Fonte: Canvas

Gabarito

01- Sobre a menininha da história podemos afirmar que:

Marque V para verdadeiro e F para falso

V  ) – Ela era uma menina levada, arteira e que fazia muita bagunça.

V  ) – Ela tinha mais ou menos 1 ou 2 anos de idade, mas não dá para ter certeza.

F  ) – Ela tinha mais ou menos 10 anos de idade.

V  ) – Não dá para saber quantos anos ela tinha.

V  ) – O texto não diz claramente, mas ela provavelmente estava morta.

02- Sobre o pai da menininha, podemos afirmar que:

 Marque V para verdadeiro e F para falso

V  ) – Aparentemente ele é nordestino.

V  ) – Ele costuma ler jornais.

F  ) – Ele adora ler jornais.

V  ) – Ele tem lembranças da menininha e parece vê-la em miragens.

V  ) – Ele consegue vê-la, mesmo ela não estando ali de verdade.

Sobre a matéria jornalística – [Exemplo 2]

01- Sobre a matéria jornalística, faça o que se pede:

Marque V para verdadeiro e F para falso

V  ) – Apenas crianças de 8 a 15 anos podem se cadastrar.

F  ) – Todos podem se cadastrar, mas a preferência é para crianças até 15 anos.

V  ) – O curso custa R$300,00. Exceto para crianças de baixa renda, pois para esses alunos a mensalidade é gratuita.

F  ) – As inscrições devem ser feitas obrigatoriamente pela internet.

F  ) – Os cursos são gratuitos para alunos de baixa renda, que devem apresentar essa declaração de próprio punho. Sendo digitado no computador.

Deixe seu comentário