Marketing de Afiliados: o que é e como vender mais

Marketing de Afiliados: o que é e como vender mais

O Marketing de Afiliados está crescendo de forma impressionante no mercado por causa de suas vantagens e pelo fácil acesso a qualquer pessoa que deseja ter uma fonte de renda complementar ou principal. 

É uma consequência do poder que o marketing tem obtido no mercado em geral, especialmente quando falamos na divulgação de produtos, serviços e na ascensão de influenciadores digitais.

É impensável pensar em vender qualquer tipo de coisa sem pensar em montar estratégia para ser conhecido em todos os lugares. É neste momento que entra o Marketing.

Há diversas estratégias de Marketing já consagradas pelo mercado com sucesso comprovado. A que tem mais trazido sucesso e faturamento para os vendedores e seus participantes de forma indireta é o Marketing de Afiliados.

Neste artigo, iremos saber como funciona esta estratégia, como integrá-la com as mídias sociais, utilizar as melhores técnicas do Marketing Digital e fazer com que seus produtos vendem mais.

Introdução ao Marketing

Um dos princípios mais básicos que compõem a relação de negócios é que você fabrica um produto ou disponibiliza um serviço para atender a demanda de quem precisa especificamente daquilo que você pode oferecer.

É a tal da relação entre oferta e demanda existente no mercado. De acordo com a quantidade de pessoas disponíveis para comprar, a oferta vai se alterando tanto para cima quanto para baixo.

Todos nós temos algum talento para vender aos outros ou temos a capacidade de produzirmos os produtos necessários à nossa subsistência. Naturalmente, a concorrência quando milhares de pessoas conseguem oferecer serviços semelhantes ao seu ou que fabricam os mesmos produtos é altíssima.

Para se destacar em relação aos seus concorrentes, é preciso que o seu produto ou serviço tenha diferenciais únicos e que os outros não tenham.

Podemos falar sobre a qualidade de fabricação, ingredientes e insumos utilizados e o carinho ao fabricar cada unidade do seu produto. Na qualidade de serviços, podemos destacar os aspectos do profissionalismo, da atenção e concentração, do cuidado no manuseio e manutenção das ferramentas e a organização da rotina de trabalho.

Ressaltar essas qualidades de forma inteligente e que fuja do convencional já praticado vai fazer com suas criações possam ser conhecidas e reconhecidas pelos clientes, resultando em vendas aplicadas de forma exponencial.

Afinal, o ditado popular se justifica claramente no dia a dia para quem deseja vender com frequência: “Quem é visto, é notado”. Falamos aqui sobre a necessidade de se aparecer para os seus clientes. Mas como fazer com sucesso?

Marketing de Afiliados: o que é e como vender mais

As estratégias de venda do passado

Poderíamos perfeitamente falar sobre as estratégias convencionais existentes:

  • Abertura de um ponto de venda físico;
  • Fazer divulgação panfletária;
  • Divulgação por carro de som;
  • Trabalho de indicação boca a boca a partir dos familiares, amigos e pessoas conhecidas.

Claro que muitas dessas estratégias ainda continuam válidas, mas boa parte delas já não estão possuindo valia, muito por causa das transformações econômicas e da própria sociedade.

Não é mais o fato de se ter um ponto físico bem localizado que será um sinal de total sucesso. Além de demandar custos, pode ter o efeito contrário no caso de ter concorrência com milhares de outros empreendedores.

Divulgar por via de panfletagem nas ruas próximas? É sinal de custo por impressão, da pessoa que irá fazer a entrega e, principalmente, custo ambiental porque milhares deles são jogados incorretamente nas ruas, causando poluição visual e prejuízos ao meio ambiente.

Carro de som? A depender da cidade onde a pessoa mora, pode ocasionar uma infração administrativa prevista em lei específica, como na lei Cidade Limpa em São Paulo.

O grande objetivo e desafio para todos os prestadores de serviço e integrantes do comércios e da indústria é vender mais gastando menos. E dentro da redução de custos, foi necessário olhar mais além e fugir do convencional.

Não que o Marketing como conhecíamos era totalmente ruim, mas era preciso pensar fora da caixinha e enxergar as possibilidades que poderíamos ter em nossas mãos. Foi pensando dessa forma que o mundo corporativo percebeu que o digital poderia ser um aliado na divulgação daquilo que produz.

Entrada do Marketing Digital

Com o avanço da tecnologia em nosso país e a universalização do acesso à internet, diversas plataformas de marketing começaram a desenvolver meios e estratégias para divulgação dos produtos de seus clientes junto a principal plataforma da internet, como o Google.

Dentro disso, várias estratégias foram criadas de forma a produzir conteúdo que seja facilmente encontrado, consumido e que convertesse em vendas. Surgiu o SEO, os anúncios, as páginas de texto para conversão, como as Landing Pages.

Milhares de empresas e empreendedores entenderam o tamanho do novo mercado e começaram a trocar os investimentos nos meios físicos e digitais.

Afinal, o foco estava na nova geração, que estava muito mais tempo conectada nas internet e nas redes sociais do que na rua, com tempo para parar, pensar, visitar e ler um flyer, um panfleto ou ouvir aquelas propagandas bem mal feitas.

É preciso saber seduzir o cliente e convencê-lo de que sua empresa possui as melhores soluções para atender as necessidades do cliente.

De tal forma, o Marketing Digital se espalhou para além das pesquisas no Google, mas se expandiu também para:

  • Redes Sociais;
  • Plataformas de e-commerce;
  • Sites em geral;
  • Landing Pages.

O que surgiu nos últimos anos e que tem aberto os olhos de milhares de pessoas são as plataformas de vendas de produtos que trabalham de forma diferente ao e-commerce. São os programas de marketing de afiliados. Agora, vamos tentar entender o que é essa novidade.

O que é o Marketing de Afiliados

Faz parte do conjunto de estratégias de Marketing Digital que estão sendo utilizadas tanto pelos vendedores quanto pelos compradores. O que muda é a chegada de um novo personagem.

Nos últimos anos, a situação econômica de nosso país se deteriorou bastante por conta dos problemas políticos e econômicos, com a queda do PIB, dos níveis de consumo das famílias e o desemprego.

Somado à falta de qualificação profissional, muitas pessoas se viram sem uma renda para sustentar suas famílias. Em outra ponta do problema, a inflação e a queda do poder de consumo das famílias as obrigou a encontrar formas para complementar a renda sem perder o emprego atual.

Todos estes fatores abriram o leque de oportunidades que o marketing digital possui. Seria possível incluir este personagem dentro deste universo de vendas pela internet? A resposta é SIM!

O nome para este novo personagem é o Afiliado. Ele teria o papel fundamental de ser o intermediário entre o vendedor e o comprador.

Em muitos casos, o vendedor pode se especializar em fornecer diversos produtos e não ter tempo de divulgar para o público. E o comprador pode estar procurando o serviço que esse vendedor tenha, mas não sabe onde encontrar.

É neste momento que entra o afiliado, que tem a função de intermediar esse contato e fazer a venda de produtos. 

Essa estratégia está sendo abraçada por plataformas específicas capazes de concentrar estes interessados em comprar e vender produtos e também por sites parceiros que viram nesta estratégia a oportunidade de aumentar a quantidade de vendas.

Alguns exemplos bem famosos de players que aderiram ao Marketing para Afiliados são:

  • Amazon;
  • Mercado Livre;
  • Magazine Luiza;
  • Casas Bahia.

As principais plataformas de afiliados do mercado, em grande crescimento e onde é possível encontrar de tudo para vender são:

  • Hotmart;
  • Eduzz;
  • Monnetize.

É importante saber como funciona esta estratégia, que tem funcionado como um Ganha Ganha a todos os envolvidos.

Como funciona

De forma prática e objetiva, este sistema pode ser entendido facilmente por todas as pessoas que estejam envolvidas e as que possam ter interesse em ganhar um dinheiro a mais no fim do mês.

De forma resumida, o sistema do marketing de afiliados consiste em:

Lançamento de produtos

Dentro das plataformas de vendas de produtos, todo aquele que produz algo e que coloca à venda é chamado de produtor. Sabendo disso, o primeiro passo para esse ecossistema é a divulgação do produto fabricado pelo produtor através de um programa de afiliados.

Divulgação pelos afiliados

Dentro do programa de afiliados, estão os intermediários que se cadastram dentro da plataforma e estão aptos para divulgar os produtos que foram inseridos pelos produtores através de diversas estratégias de venda.

A cada produto que o afiliado escolher para venda, será gerado internamente um link que irá redirecionar para a página de venda deste item.

A compra pelo cliente

Com este link, o interessado pode conhecer os detalhes do produto e realizar a compra com toda a segurança através dos parceiros deste programa. Para dirimir possíveis dúvidas e desconfianças, as plataformas trabalham de forma integrada com sites parceiros com o mote de dar mais credibilidade ao procedimento.

No momento em que o cliente clica no anúncio, vai até a página de venda e faz a compra, um percentual do valor é retido pela plataforma.

Rastreabilidade

Neste momento, quando é feito o pagamento e há a retenção dos valores pela plataforma, a mesma faz o rastreamento do link para descobrir quem fez essa intermediação entre o produtor de conteúdo e o comprador.

Essa rastreabilidade permite com que não haja a destinação incorreta do valor futuramente para quem não fez todo o trabalho de divulgação e levou o cliente para a compra.

Pagamento ao produtor

O próximo passo é assegurar a parte destinada a quem produziu o conteúdo vendido. Ele é quem determina o valor de venda, mas ele deve levar em consideração a comissão a ser paga para quem fez a divulgação e todo o processo de convencimento do cliente para fazer a compra.

Pagamento ao afiliado

Finalmente, o valor retido pela plataforma para a comissão é pago ao afiliado, concluindo todo o processo de compra, recomeçando tudo a cada venda.

Falando de produtos que podem ser vendidos nas plataformas de afiliados, dá para imaginar tudo e mais um pouco. Dá para vender e-books, cursos, aulas online, livros, podcasts, o que vier à sua cabeça.

Antes de dar sequência, é bom avisar que o Marketing de Afiliados é apenas a estratégia para venda de produtos através da plataforma parceira, enquanto as plataformas são o resultado final onde os produtores e afiliados se encontram para vender os produtos.

Vantagens

Vimos que todo este processo parece bem simples, mas que traz muitos benefícios aos envolvidos. Para os produtores, é uma grande porta de entrada para milhares de clientes em potencial que não têm acesso aos seus produtos. 

Assim, aumenta-se o público alvo e que se reflete no aumento de vendas totais a partir do espalhamento em diversos canais de distribuição. Isso é possível pelo fato de o produto poder ser vendido em mais de um link de vendas, mais por vários links ao mesmo tempo.

Já aos afiliados, as vantagens são inúmeras:

  • Comissões para todas as vendas realizadas a partir do link gerado dentro da plataforma, não importa quantas vendas foram feitas;
  • Possibilidade de divulgação dos links em todas as redes sociais possíveis, além de inserção em blogs, sites, plataformas de e-commerce, entre outros;
  • Ação multitarefa para vários clientes ao vender diferentes produtos usando a mesma plataforma;
  • Não precisará ganhar dinheiro criando um produto ou trabalhando em ideias mirabolantes;
  • Você pode montar a sua própria rotina de trabalho e ser o próprio chefe, se responsabilizando pelo o quanto irá vender no fim do mês;
  • Baixo custo inicial de trabalho: ZERO! É só se cadastrar na plataforma, abrir páginas nas redes sociais ou criar um site no WordPress para divulgar os produtos que esteja vendendo;
  • Montar a própria estrutura de trabalho e o planejamento estratégico para divulgar os produtos;
  • Não será necessário se preocupar com a entrega, visto que será de responsabilidade apenas da loja parceira ou do próprio produtor.

O cliente também não fica desassistido. Isso porque ele também fica protegido e pode ter o valor devolvido caso o produtor não faça a entrega do produto. Além disso, ele tem uma diversidade de possibilidades para atender suas necessidades com a possibilidade de pesquisar por mais produtos e tomar decisões de compra com mais assertividade.

Agora que vimos as vantagens do marketing de afiliados para produtores, clientes e os próprios afiliados, vamos conhecer algumas estratégias usadas para disseminação dos links e dos produtos. Falaremos tanto pelas redes sociais quanto por sites como forma de vender mais e saber reter clientes com mais clareza e eficiência.

Como vender mais por sites

É muito comum encontrarmos milhares de pessoas que decidem aderir a estratégia do Marketing para Afiliados, mas que não conseguem ter total sucesso nas vendas, justamente por não se planejarem corretamente.

Um defeito muito comum e que é tristemente ignorado é o fato de não se ter uma plataforma própria para que seus clientes possam conhecer os produtos vendidos, terem confiabilidade e lhe renderem ganhos financeiros.

A solução aliada com as redes sociais podem estar na criação de sites próprios. Ali, é possível construir uma relação de credibilidade e profissionalismo trabalhando com excelência.

Hoje, temos diversas opções de plataformas de construção de sites pela internet que facilitam a vida do indivíduo. São eles:

  • Wordpree, o mais conhecido;
  • Wix;
  • Locaweb;
  • Tray;
  • Workspace.

Como montar um site

A montagem de um site deve levar em consideração valores considerados primordiais com o objetivo de que o produto seja uma extensão do próprio dono. Hoje, o desenvolvimento essencial das funções, botões e de conteúdo pode ser feito com simples passos.

Existem opções gratuitas, com recursos básicos de funcionalidades e que permitem o SEO, como no Wix e no WordPress. Já nas versões pagas, muitas outras funcionalidades e maior integração com SEO estão disponíveis para tornar o site mais acessível e moderno.

Em todos os casos, o primeiro passo é fazer o cadastro com seu e-mail e criar uma senha.

Depois de feito o cadastro, o usuário começa a preencher os dados principais para definir o layout final do novo site. Os principais dados são:

  • Nome da empresa;
  • Resumo descritivo;
  • Logo;
  • Imagem de fundo;
  • Páginas do site.

Depois do preenchimento, os sites costumam apresentar o layout inicial com todas as informações prestadas. Todos permitem a possibilidade do cliente poder editar as informações no tempo que desejar, incluindo bloco de informações, mudando as imagens de fundo, os quadros, etc.

Essa atividade pode ser feita por gente leiga e profissionais da área sem dores de cabeça. No nosso caso em especial, a recomendação é que você crie um site com um e-commerce já integrado para divulgar os produtos vendidos e nutrir mais o link da plataforma de afiliados.

O que devo levar em consideração

Não basta apenas montar um site para divulgar os produtos para venda sem levar algumas informações muito importantes e que falamos acima estão diretamente relacionados à identidade visual e os produtos vendidos.

Por isso, a preferência tem sido pelas plataformas de e-commerce, que permitem à sua empresa criar artes para estar na home e toda a lista de produtos para venda com os links criados dentro da plataforma de aliados.

É sempre importante saber se as opiniões dos usuários sobre a qualidade do site estão mais positivas do que negativas, incluindo as questões de suporte, acessibilidade, usabilidade, entre outros.

Além de criar um site, é sempre fundamental utilizar as redes sociais para vender os produtos. Descobriremos abaixo a importância de se vender também no Facebook e no Instagram.

Porque usar as redes sociais no Marketing para Afiliados

É inegável o quanto as mídias sociais se tornaram fundamentais para todos os efeitos. Não à toa, as empresas estão cada vez mais investindo em engajamento para trazer este grande público que consome conteúdo o tempo todo aos seus produtos e aumentar as vendas, gerando autoridade e credibilidade.

Não tem sido diferente para quem aposta no Marketing de Afiliados essa estratégia do Marketing Digital, que tem crescido com constância e invadido o Facebook, o Instagram e as demais redes sociais.

Se olharmos os números atuais, vemos o quão necessários se tornaram para alcançar o engajamento e relevância necessária diante da concorrência praticamente voraz neste ambiente.

Onde é possível encontrar uma quantidade enorme de pessoas no mesmo ambiente? Somente nas redes sociais. Só para contagem, cerca de 140 milhões de perfis, como se fosse 2 em cada 3 brasileiros, estão na principal rede social do mundo, o Facebook.

No Instagram, são mais de 100 milhões de perfis ativos e está consolidado como a principal rede do momento, suplantando a sua irmã mais velha, o Face.

Uma das grandes vantagens existentes é a possibilidade de poder segmentar os seus produtos ou serviços para uma quantidade específica de pessoas, de acordo com seus interesses e gostos.

Por isso, é fundamental saber o que fazer em cada rede social para evitar a estratégia errada e ineficaz. Saiba como dá para transformar um perfil no Face em um perfil bem famoso.

Como fazer o perfil do Facebook ser seu aliado

Mais do que tudo, investir em redes sociais é o caminho necessário e indispensável para o sucesso da sua empresa. E não tem como desconsiderar a líder, a maior de todas, o Facebook.

Com milhões de usuários em todo o país, já está comprovado que investir corretamente na rede social lhe trará grandes benefícios, sejam financeiros ou da parte esportiva.

Em especial quando estamos falando de vender nossos produtos de forma virtual na principal rede social do mundo, usar do Marketing de Afiliados é bem interessante. Para consolidar estas mudanças, foram desenvolvidas novas soluções que aproximam as empresas dos funcionários.

O Facebook oferece a possibilidade dos grupos e das páginas, nas quais não há limite de amigos e contatos, e onde a venda pode ser mais assertiva com um bom conteúdo.

Já no Instagram, o grande segredo está em vender bem a sua imagem para todos os produtos. Na rede que mais valoriza as fotos, ter uma série de fotos dos produtos ajuda a trazer mais credibilidade. O segredo também é não ser falso, prezar pela sinceridade, trabalhando no conteúdo de forma assertiva e correta.

Não podemos esquecer da questão dos Ads, os anúncios que podem potencializar os seus links e fazerem suas vendas crescerem exponencialmente com métricas bem definidas

Jamais podemos considerar o Facebook uma carta fora do baralho para divulgar o seu site e os produtos vendidos. Por isso, pense com muito carinho em criar uma página exclusiva para o negócio, em que o conteúdo principal será dedicado única e exclusivamente aos produtos e os links afiliados.

Dessa forma, o perfil pessoal pode se dedicar a compartilhar e convidar outras pessoas a curtirem, interagirem e a comprarem os produtos que são vendidos por ali.

O que pode ser usado também é a técnica usada no Marketing Digital chamada de Storytelling. Vamos falar sobre esse importante aspecto na produção do conteúdo.

Como inserir o Storytelling

Com a responsabilidade de fazer o produtor de conteúdo ou o vendedor poder usar a pessoalidade para escrever sobre um determinado assunto, o Storytelling tem sido considerado muito importante na divulgação e no sucesso de vários perfis nas redes sociais.

Muito se fala sobre usar uma linguagem informal mas totalmente impessoal para apresentar um determinado produto ou serviço tanto para textos em blog quanto em redes sociais.

Mas o risco contido deve ser levado em conta. A razão se dá pelo risco de fazer o texto ser considerado artificial e pouco produtivo, especialmente quando falamos de um produto à venda.

Do que adianta fazer um conteúdo rico e otimizável sendo que não representa a realidade. Por muitas vezes, o usuário só toma a decisão de compra quando sente que o produto é realmente bom, o que só pode ser dito se o escritor realmente experimentou aquilo que está oferecendo.

Se isso efetivamente não acontece, fica mais pelo mesmo. Para colocar o Storytelling, o caminho das pedras é menos tortuoso:

  • Dê preferência para falar de produtos que realmente façam parte de sua vida. Como exemplo: falar de secadora de cabelo, de itens de maquiagem, etc;
  • Crie um copy que demonstre a sua experiência ao usar o dispositivo e as vantagens para sua vida;
  • Publique semanal ou quinzenalmente conteúdo todo feito com Storytelling. Assim, sua empresa vai poder criar uma relação de empatia com o cliente a ponto de seguir tudo o que lhe é oferecido ao longo do tempo.
  • Acompanhe os resultados das publicações e encontre pontos a serem melhorados e mais bem desenvolvidos ao longo do tempo.

Com estes passos, você irá atrair muito mais o seu cliente final e fará com que seu perfil fique mais famoso, produzindo conteúdo de qualidade e fazendo com que a experiência ao cliente seja mais realista.

Depois de falarmos sobre os aspectos de qualidade para fazer o Marketing de Afiliados com total eficiência, vamos te ensinar algumas dicas para não tentar abraçar o mundo e conseguir fazer nada com qualidade.

O Marketing de Afiliados está crescendo de forma impressionante no mercado por causa de suas vantagens e fácil acesso a qualquer pessoa.

Dicas para quem entra no Marketing de Afiliados

Com essas dicas, você vai conseguir entrar neste nicho do mercado e evitar dores de cabeça, frustrações e deixar de ser mais um rostinho no meio da multidão. Para se dar bem neste mercado, siga este passo a passo:

  • Não queira pegar todos os links e querer vender nas suas redes sociais ou site somente para querer vender. Por mais que pareça uma multidiversidade de produtos, pode acabar afugentando o consumidor por não entender o que está realmente se vendendo na sua loja;
  • Trabalhe sempre para divulgar o máximo possível respeitando as regras das plataformas no intuito de não ser penalizado e perder comissões e vendas;
  • Invista seu tempo, sua dedicação, seu amor neste trabalho e veja o resultado chegar com o tempo.

Trabalhar com Marketing para Afiliados é uma das soluções mais fáceis e que está na mão das pessoas que mais desejam ter uma fonte de renda complementar ou principal divulgando os mais variados produtos.

Além disso, as plataformas e sites parceiros permitem que o vendedor tenha sua comissão garantida pelos serviços prestados e possa transformar em meio de subsistência.

Pense com carinho enquanto este mercado oferece grandes vantagens para montar seu negócio sem gastar nenhum centavo e poder estar em qualquer lugar do Brasil e do Mundo pela internet.

O futuro é do Marketing para Afiliados!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *